Recomende este artigo por email
Digite o endereço do e-mail:

Redes 5G e IoT utilizam novas tecnologias da F5 Networks

Tamanho da fonte: A A A A

Tecnologia F5 Networks está presente em todas as operadoras de telecomunicações do Brasil (Foto: Divulgação)

A F5 Networks, empresa de soluções de ADN (Application Delivery Networking) – tecnologia que garante a entrega de aplicações rodando em ambiente Web – anunciou novas ferramentas capazes de ajudar as operadoras de telecomunicações a otimizar, proteger e monetizar suas redes para a oferta de serviços 5G e Internet das Coisas(IoT).

A country manager da F5 no Brasil, Rita D’Andrea, as novas tecnologias da companhia reduzem o TCO do ambiente das operadoras e garantem segurança da rede, dos dispositivos de acesso e das aplicações.

A executiva destacou que o diferencial da F5 é habilitar serviços e modelos de negócios inovadores, capazes de aumentar a retenção de clientes da operadora e expandir seu Market share.

Atualmente, a tecnologia F5 Networks está presente em todas as operadoras de telecomunicações do Brasil. A empresa soluciona os desafios de segurança e performance, também, de outras 100 operadoras globais.

As soluções para redes 5G e IoT são um novo Carrier Class Firewall, o F5 BIG-IP Policy Enforcement Manager e um empacotamento de altíssimo desempenho do NFV 40G Virtual Edition. Outra novidade é o suporte a protocolos IoT especializados, como Message Queuing Telemetry Transport (MQTT), tecnologia essencial para garantir a segurança dos tão vulneráveis dispositivos IoT.

O novo portfólio da F5 vai ao encontro de análises feitas pelo instituto de pesquisas IDC, que informa que o mercado de IoT chegará à marca dos US$ 1,29 trilhões até 2020 – isso acontecerá a uma taxa de crescimento anual de 15,6%. A Frost & Sullivan, por outro lado, indica que, na mesma data, cada pessoa contará com até 5,1 dispositivos IoT conectados.

A tendência também foi identificada pelos analistas do Internet of Things Institute, no qual o relatório indica que 65% de 1.000 executivos de negócios de operadoras globais entrevistados concordavam que quem sair na frente com a melhor oferta IoT terá sólidas vantagens em seus negócios.

O mesmo raciocínio se aplica à importância estratégia de se organizar, hoje, os ambientes 5G das operadoras. Segundo relatório da Ericsson Mobility, até 2022 haverá 550 milhões de conexões 5G e 29 bilhões de dispositivos conectados em uso – desse total, 18 bilhões serão devices IoT.

(Da redação)


Recomende este artigo por email
Digite o endereço do e-mail:
Compartilhe
Tags:
COMENTÁRIOS

Para comentar é preciso estar logado. Faça aqui o seu login.
Se você ainda não tem uma conta, clique aqui e cadastre-se!

Ainda não há comentários sobre este post.


© Copyright InterIT 2010 - Todos os direitos reservados


Grupo