Dica do Especialista
Recomende este artigo por email
Digite o endereço do e-mail:

Dicas para aumentar a segurança da rede Wi-Fi doméstica

Tamanho da fonte: A A A A

Para aumentar a segurança da rede Wi-Fi doméstica, especialistas da Kaspersky Lab dão algumas dicas:

- Alterar a senha de administrador. Um erro grave que cometemos muitas vezes é utilizar as senhas da configuração padrão. Se juntarmos a isto alguma vulnerabilidade não crítica ou uma ligação sem fio aberta, os cibercriminosos podem tomar facilmente o controle do roteador. Para evitá-lo, é recomendável mudar a senha pré-estabelecida por uma mais complexa.

- Desativar a administração remota. Um acesso aberto à interface do roteador pode ser um problema sério. Embora os fabricantes só costumem permitir o controlo LAN do dispositivo padrão, nem sempre é assim. Verifique se essa interface está disponível na Internet. Para desativar a administração remota, normalmente, deve desmarcar uma opção ou introduzir o endereço 0.0.0.0 no campo adequado. Os peritos da Kaspersky Lab também recomendam que se bloqueie o acesso ao roteador, sempre que a ligação o permita, através dos protocolos Telnet ou SSH.

- Desativar a emissão do SSID. A identificação da sua rede Wi-Fi (SSID) é transmitida a todo o mundo, como regra habitual. Para evitar que qualquer um possa conhecê-la, desmarque esta opção. Assim, a sua rede não será invadida tão facilmente, mas você terá que introduzir a SSID toda vez que conectar um dispositivo à rede.

- Usar uma encriptação de confiança. Deixar a sua rede aberta aos vizinhos pode ser um ato de generosidade, mas também pode acarretar graves problemas, já que um deles pode utilizar a sua ligação para roubar os seus dados pessoais ou para cometer algum delito contra outros e a polícia acabará batendo na sua porta. Por isso, os analistas da Kaspersky Lab recomendam a utilização da encriptação WPA2 e de uma senha forte.

- Atualize o software. Um dos erros mais comuns é não seguir as atualizações do firmware, o que implica não ter as últimas versões do mesmo, que, habitualmente, incluem correções de segurança contra vulnerabilidades – muitas vezes a porta de entrada dos hackers. Para se manter atualizado, basta descarregar a imagem do firmware, fazer uma cópia de segurança da configuração do roteador, executar a atualização e restaurar a configuração. Como sempre, faça os downloads de páginas oficiais e não confie em recursos suspeitos.


Dica do Especialista
Recomende este artigo por email
Digite o endereço do e-mail:
Compartilhe
COMENTÁRIOS

Para comentar é preciso estar logado. Faça aqui o seu login.
Se você ainda não tem uma conta, clique aqui e cadastre-se!

Ainda não há comentários sobre este post.


© Copyright InterIT 2010 - Todos os direitos reservados


Grupo