Governo
Recomende este artigo por email
Digite o endereço do e-mail:

Microsoft se opõe ao uso de softwares livres pelo governo

Tamanho da fonte: A A A A

O presidente para a América Latina da companhia criticou a posição do governo brasileiro sobre os sistemas abertos (Foto: Reprodução)

De acordo com informações do jornal Folha de São Paulo, Hernán Rincón, presidente da Microsoft na América Latina, criticou o governo brasileiro por apoiar programas com código aberto como o Linux.

O executivo acredita que o desenvolvimento de programas livres dá mais trabalho ao governo, pois é preciso um investimento maior para mantê-los do que para a contratação de sistemas geridos por empresas privadas.

Ao ser questionado sobre a posição do governo brasileiro, Rincón declarou que a inovação de softwares ocorre por meio do setor privado e não pelas mãos do governo.

"Os governos têm que se perguntar: o negocio deles é servir os cidadãos ou desenvolver software? A inovação está no setor privado", afirmou o executivo. Rincón ressaltou, no entanto, que ambos os sistemas continuarão a coexistir.

Em relação aos números, o setor tecnológico na América Latina se manteve na média, segundo ele, registrando de 2 a 3% acima do crescimento da região.

(Da Redação)


Governo
Recomende este artigo por email
Digite o endereço do e-mail:
Compartilhe
COMENTÁRIOS

Para comentar é preciso estar logado. Faça aqui o seu login.
Se você ainda não tem uma conta, clique aqui e cadastre-se!

Ainda não há comentários sobre este post.


© Copyright InterIT 2010 - Todos os direitos reservados


Grupo